Vaso quebrado

“Jesus andava por toda a Galileia, ensinava nas casas de oração, pregava a Boa Nova do Reino e curava o povo de todas as suas doenças e sofrimentos. Falava-se dele por toda a Síria. Traziam-lhe todos os que sofriam de várias doenças e males, os que tinham espíritos maus, os doentes de nervos e os paralíticos. E Jesus curava-os a todos. A multidão que o seguia era enorme. Vinha gente da Galileia, das Dez Cidades, de Jerusalém, da Judeia e de além do Jordão.” Mateus 4:23-25

Jesus andava por toda a Galileia. Cada vez que leio coisas destas, vem ao meu coração uma vontade muito grande de fazer o mesmo: andar por aí, por vários lugares, levando o que Ele quiser que eu leve. Se for silêncio, que seja, se forem palavras, que sejam, se forem abraços, que sejam, seja o que for.

A quem? Não sei.

Onde? Não sei.

Fazendo o quê? Não sei.

Só sei que tenho experimentado a direcção do Senhor, me levando a fazer determinadas coisas, com determinadas pessoas. Coisas muito simples, mas que me têm enchido muito o coração, porque apesar de simples, são aquilo que Deus me leva a fazer. E isso é o que interessa.

Paulo, quando esteve com os Coríntios, esteve da seguinte forma:

“Apresentei-me diante de vocês como um homem sem forças, cheio de medo e ansiedade. E quando vos falei e preguei não tentei convencer-vos com a linguagem da sabedoria humana. Pelo contrário, mostrei-vos o Espírito e o poder de Deus, para que a vossa fé não se apoiasse na sabedoria dos homens, mas no poder de Deus.” I Co 2: 3-5

Sem forças, com medo e ansiedade. Mostrando APENAS o Espírito e o poder de Deus.

Esta passagem consola-me sempre muito, porque me mostra mais uma vez que, mesmo estando fraca, muito fraca, transtornada por outros motivos, ferida, abatida, seja o que for, eu posso na mesma mostrar aos outros o Espírito e o poder de Deus.

Tem sido o que tenho experimentado. E testemunho aqui que é uma coisa espectacular. Ir com lágrimas, e sair com o coração cheio, sabendo que foi transmitida qualquer coisa através de mim. E é nesses momentos que podemos saber que NADA do que é espiritual depende de nós.

NADA. TUDO É GRAÇA, MISERICÓRDIA DO PAI.

O vaso é de barro. E o barro é bastante frágil. Mas o Espírito de Jesus habita lá. E a sua presença ser visível aos outros não depende de nós estarmos fortes humanamente falando. Depende apenas da nossa união com o Pai. E se estamos unidos ao Pai, apesar da fraqueza e dor humanas, tudo pode acontecer, porque o que é espiritual e sobrenatural, não depende do que é carne, natural, deste mundo.

Não depende da alegria humana, da força de vontade. Não depende dos conhecimentos humanos, dos estudos, dos cursos, porque a lógica de Deus é oposta à lógica humana, e o que são os estudos senão lógica humana?

Não depende de nada que não seja dois joelhos dobrados e um coração quebrantado.

Não depende de nada mais a não ser de um Espírito que não se prende com fraquezas humanas, mas que se prende com o orgulho e capacidades humanas.

Apenas depende do Pai. Pai de amor. Que escolheu os feridos, os fracos, os abatidos para comerem à Sua mesa, usufruírem da abundância das suas bênçãos.

Engraçado que não há outro caminho.

Todo aquele que não se sente pó não pode entrar e comer com o Senhor.

Os títulos, os conhecimentos académicos, a justiça própria, um comportamento exemplar, nunca abriram as portas da sala do Pai.

A mesa está lá, com o Pai sentado. E Ele deu a chave da Sua casa a todo o quebrantado de coração.

A todo o que tem o coração quebrado…

Tens o coração quebrado? Olha a porta aberta!

Não te sentes quebrantado? Lamento desiludir-te, mas aquilo de que falas, não conheces, pois a porta não está aberta para ti.

Deus vos abençoe.

7 comentários:

Lou disse...

Sim, estou quebrantado. Mas, quando começo a me sentir pronto, lá vem outra pancada e descubro a verdade: Tem muito mais a quebrar. A Deus toda a Glória.

Marlene Maravilha disse...

Olá Paula! bom estar novamente por aqui e aprender sempre um pouquinho mais contigo e com as coisas de Deus. Uma coisa tenho certeza: que quanto mais estudo, leio e comento, mas necessito aprender e sei cada vez menos.
O que mais agrada ao coração de Deus é realmente ver o coração do homem, quebrantado e disposto a obedecer a SUA vontade.
Beijos

Andrea disse...

E é este o caminho, sempre....

Abraço forte de saudades para a minha mana.

Anónimo disse...

Enjoyed a lot!
» » »

Anónimo disse...

I like it! Keep up the good work. Thanks for sharing this wonderful site with us.
»

Anónimo disse...

Hmm I love the idea behind this website, very unique.
»

Anónimo disse...

This is very interesting site... »