Amizade

Hoje é dia da amizade.

Normalmente não costumo ligar a estes ou a outros dias mundiais. Não me costumam acrescentar nada, mas como ao saber deste dia pensei em alguém, decidi aqui escrever umas coisinhas, também porque tão cedo não voltarei a escrever aqui neste espaço.

E o que vou escrever é dirigido a uma pessoa especial para mim, a qual eu costumo chamar de raposinha. É para ti.

Muitas coisas eu poderia escrever, mas não me é possível de momento. Se pudesses ler o meu coração, tu irias compreender e ver a quantidade de coisas que eu teria para dizer. Irias ver o teu lugar cá dentro e a importância que tens na minha vida. Irias ver como é impossível separar-te.

As coisas mais banais são tão fáceis de serem verbalizadas, mas as mais profundas, por serem isso mesmo: profundas, são mais difíceis de serem ditas, explicadas, sem perderem a totalidade do sentimento. Há sentimentos que simplesmente não se explicam, pela sua intensidade, por isso te digo que a amizade que sinto por ti não se explica. ;)

Disse a raposa ao principezinho:

"Ora vê: por enquanto, para mim, tu não és senão um rapazinho perfeitamente igual a outros cem mil rapazinhos. E eu não preciso de ti. E tu também não precisas de mim. Por enquanto, para ti, eu não sou senão uma raposa igual a outras cem mil raposas. Mas, se tu me prenderes a ti, passamos a precisar um do outro. Passas a ser único no mundo para mim. E, para ti, eu também passo a ser única no mundo..."

Tu já és única para mim no mundo.

É o que tenho para te dizer neste dia, apesar da distância e do silêncio.

Desejo muitas alegrias para a tua vida, mana. Que o Pai te presenteie com a Sua presença a cada manhã, a cada momento da tua vida. E que no teu rosto esteja sempre reflectida a presença do Espírito em ti.

Um abraço!

7 comentários:

Andrea disse...

Mana, sinceramente não estava à espera deste artigo e destas palavras.
Como sabes, e como me conheces, o meu coração acelerou e as lágrimas apareceram pois o que escreveste disse-me tantas coisas...

Quero dizer-te com todo o amor que a nossa amizade tem uma ligação primeiramente num lugar eterno, tenho certeza disso e isso dá-me uma grande paz porque sei que Deus nos dará a ambas a Sua própria capacidade para cuidarmos desta tão linda amizade.

Apesar da distância e do silêncio...(a tua frase), uma vez eu disse-te que o meu amor por ti não é igual aos outros e que eu iria entender, e entendo mana. Não vou esconder que o meu coração rasga quando sinto a tua distância, mesmo nos gestos mais simples, e quando ouço o teu silêncio. Mas essa é a parte humana, porque eu sei que resido no teu coração tal como tu resides no meu, eu sei que precisas de mim tal como eu preciso de ti, eu sei que o meu abraço fala tal como o teu me fala. Talvez por saber às vezes queira tanto te mimar, te ajudar...tu sabes do que falo.

Obrigada pela dedicatória, não consigo exprimir por palavras a importância que está a ter na minha vida, mas posso-te dizer o que tenho aqui no coração em relação a ti:

Chamo-te mana porque tu és mais que amiga e estás mais pertinho do meu coração que uma irmã. Admiro muito a tua sinceridade e transparência, a tua autenticidade. Gosto muito do teu abraço, e confesso que preciso dele muitas e muitas vezes. Se conseguisses ler o meu coração também poderias ver perfeitamente o teu lugar cá dentro e ver a intensidade dos meus sentimentos, mas o bom de tudo isto é que o nosso Deus pode dar-nos esse conhecimento e discernimento, e penso que já tem dado em relação a nós.

És a minha princesa. Uma mana simples, sem preconceitos, aventureira, uuma mulher de fé, determinada e muito carinhosa.

Obrigada mana, por existires na minha vida e por aceitares o meu amor! És realmente Única e de muito valor. Não consigo separar-te, onde vou tu vais também dentro de mim!

Sei que terás muitas coisas boas vindo do alto para ti, e isso alegra-me porque estarei ao teu lado, de alguma forma, para te dizer:

Força mana! Estamos juntas!

Paula disse...

As palavras que aqui escreveste irão ficar para sempre guardadas em mim, acredita ;) Tocaram-me muito, daí achar que te devia responder, e apenas deixar uma frase que li e que, mais uma vez, me fez pensar em ti, minha raposinha:

"A amizade é uma alma com dois corpos." Aristóteles.

Aplica-se que nem uma luva, hehehehe.

Um abraço forte, com amor.

Andrea disse...

Mana querida,

aplica-se perfeitamente!
Tu sentes o mesmo que eu.... até num simples abraço...é impressionante, e um presente lindo do céu para as duas.

Guardarei também as tuas palavrinhas que escreveste aqui para mim, sempre e sempre!

Abracinho forte do teu "outro lado da alma".

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Here are some links that I believe will be interested

Anónimo disse...

Very best site. Keep working. Will return in the near future.
»

Anónimo disse...

Interesting site. Useful information. Bookmarked.
»