Para ti, aquele que não vale nada

"Portanto agora podemos entrar com toda a confiança no santuário, porque Jesus morreu por nós.

Aproximemo-nos, pois, de Deus com coração sincero e cheios de fé, purificados de toda a consciência de pecado e o corpo lavado com água pura." Hebreus 10:19,22



Há quem pense que algumas pessoas são mais importantes para Deus do que outras, mais "espirituais".

Há filhos que se sentem insignificantes diante de Deus. Acham que não têm qualidades, não têm capacidades, não conseguem buscar a Deus como algumas pessoas, não conseguem ter a fé que algumas pessoas têem.

Numa determinada altura da minha vida já me senti assim também, por isso consigo compreender o que sentem estas pessoas. Perfeitamente.

Sempre ouvimos, sabemos e lemos que Deus usa os fracos, os humildes, os quebrantados, mas no fundo não acreditamos muito nisso, pois se acreditássemos não achávamos ninguém melhor que nós. Achamos que isso é conversa bonita mas que não conseguimos ser "tão espirituais" como os outros, ter as mesmas experiências com Deus.

E afinal de contas, Deus diz essas coisas bonitas de aceitar os humildes, os fracos, etc., mas parece que Ele só age naqueles que são fortes, determinados, naqueles que "mostram" muitas coisas, que falam muito, que "crêem e acontece".

Como disse, já pensei e já senti assim, mas há muito tempo que compreendi que essa é uma grande mentira que Satanás lança sobre os filhos de Deus.

O caminho para o Santo dos Santos está aberto a todos. Podemos entrar com TODA A CONFIANÇA. Porque somos "espirituais"? Porque temos muita fé? Porque temos tido muitas experiências sobrenaturais? Porque somos "OS" escolhidos?


Até quando acharemos que o Reino de Deus se rege pela lógica humana? Até quando?


Não é por acaso que Jesus foi desprezado e mal recebido e a sua mensagem continua a ser difícil de entender nos nossos dias pela Igreja.

Damos mais importância a quem estudou numa Escola Bíblica do que a quem não o fez. Partimos do princípio que essa pessoa conhece melhor Deus do que as outras. Critérios humanos.

Achamos que Deus se agrada mais de nós do que de um sem-abrigo. Porque nós O aceitámos e O servimos e o sem-abrigo não... Somos salvos pela Graça mas parece que depois, no nosso caminhar cristão, já não precisamos da Graça. Precisamos ser bonzinhos e nos esforçarmos para Deus nos aceitar e amar.

Deus escolhe as pessoas loucas deste mundo para confundir as que se acham a si mesmas muito boas. E quando eu penso nesta ideia, penso sobretudo no Reino Espiritual.

Até quando julgarás pela aparência? Até quando verás como o povo de Israel ao escolher Saul como rei, apenas julgando pela aparência?

Às vezes aqueles que nos parecem mais espirituais, mais perto de Deus, são aqueles que menos O conhecem. Mais uma vez, a lógica de Deus não é a mesma que a nossa.

Tu, que te achas fraco, pequeno, sem conhecimento, sem sabedoria, insignificante aos olhos de Deus, lembra-te:

Deus não ouviu a oração do fariseu que orou em voz alta, gabando-se de não ser pecador como os outros. Ou seja, Deus não ouve as orações dos que se acham muito ungidos, dos que acham que eles sim, eles têm a revelação de Deus. Os outros não são tão sábios.

Deus odeia a arrogância e quantas vezes essa arrogância está nos corações dos filhos... de uma forma tão subtil, diluída, mas ela está lá e bloqueia completamente a acção de Deus.

Deus ouviu a oração do publicano, que batia no peito arrependido, reconhecendo que era um pecador.

Deus ouve a tua oração, tu que achas que não vales nada. É para ti que Ele está a olhar. Se calhar aos olhos das pessoas tu não és nada, não tens futuro, não tens sabedoria. Não reconhecem em ti alguém "muito espiritual".

Jesus olha para ti e tu serias uma das pessoas que ele iria procurar.

Deixa de olhar para os outros. Olha para o alto, para Deus. Não vivas a tua vida sempre sentindo que tu "não vais chegar lá", tu não vais conseguir, que os sonhos "espirituais" que tens no teu coração nunca se vão realizar porque tu és um fraco, um incapacitado.

O teu coração está perto de Deus. Deixa agora que Ele mexa, toque, sopre, fale, ame, preencha.

Tu és filho amado.

5 comentários:

Helder disse...

Olá!
Uau, que prazer ler!
Deus está perto, não está longe como muitos pensam. E eu sou a pessoa que constantemente é arrogante e afasta o Senhor. Muito tenho de aprender a viver na humildade, no amor de Deus.
Recebi imensa graça, e através destas entradas muitas pessoas creio que são curadas e recebem força, abres as portas ao Espírito Santo para poder mudar as pessoas através da acção de uma filha de Deus.
O mais impressionante é que ontem mesmo estive a ler essa passagem, o que é incrível. Creio que o nosso povo tem muito esta ideia de que somos muito fracos, mas o mais bonito é que se olharmos para a história de Portugal, podemos ver o quão grandiosamente Deus pode utilizar este povo fraco em si mesmo, mas forte em Deus.
A medida que vou crescendo no amor de Deus, também vou amando mais Portugal, este povo. E cada vez mais fé tenho na regeneração espiritual prometida pelo Espírito Santo.
Bem haja!
Obrigado Paula pelas palavras tão bonitas e verdadeiras.
Hebreus é um livro muito maduro mesmo.
Que a paz esteja com todos, não a paz do mundo que não dura, mas a paz que vem de Deus sobre todos aqueles que recebem a Cristo.
Em Cristo,
Helder

Lavrador disse...

"Damos mais importância a quem estudou numa Escola Bíblica do que a quem não o fez. Partimos do princípio que essa pessoa conhece melhor Deus do que as outras. Critérios humanos."
Estou a viver num país on de há profetas aos molhos, reverendos às centenas, bispos, apóstolos, bishops, etc. Todos eles vestem bem, controem igrejas como querem e onde querem andam de 4x4 com ar condicionado...mas não devem pregar a salvação gratuita que Jesus nos ganhou na cruz, porque isso não dá dinheiro...nada disso me comove! Especialmente pelo facto destes aproveitadores serem financiados por gente que muitas vezes não tem que comer!!

Nuno Fonseca disse...

Parabéns, mana Paula.

Gostei imenso do estilo devocional do teu blogue.
No mínimo, edificante.

Shalom.

tania palmeiro disse...

Mana...
Sempre a palavra certa, na altura certa em que o meu coração busca respostas e mais de Deus.
Realmente és uma "pequena" grande ungida!!!
Deus te abençoe

bete pereira da silva disse...

Sempre venho aqui buscar ânimo, e encontro.