Gargalhadas espirituais... ou espirituosas?

Nunca vos aconteceu rirem pelas coisas que vos vêm à mente?

Hoje vinha no carro a pensar com o Pai, junto com Ele. E Ele trouxe à minha mente coisas nas quais eu tenho pensado, mas desta vez de uma forma muito engraçada. E saltei umas quantas gargalhadas sozinha... as figurinhas que uma pessoa faz...

O Espírito Santo tem um humor muito apurado... hihi.

Quem se lembraria de comparar a Igreja com um Restaurante à beira da falência, cujo cozinheiro e empregados estão quase a morrer, com tantas doenças que têm, devido à falta de comida, e mesmo assim continuam a servir pratos para os clientes?

Pratos sem nutrientes mas cheios de micróbios, vermes, etc., que em vez de fazerem bem à saúde têm o efeito inverso.

E ainda assim, os clientes continuam a lá ir. As suas refeições dependem daquele restaurante.

Eu sei... não tem piada... o assunto é muito sério... é mesmo...

Alguns até acharão que eu estou a blasfemar do Espírito, estando a atribuir-lhe este pensamento... (sim, porque o Espírito Santo é uma pessoa mas não fala, né? - IRONIA) mas eu sei que veio dele... e acreditem... Deus por vezes traz as coisas à minha mente de uma forma cómica mas com o objectivo de me transmitir verdades.

Afinal, foi Ele quem criou o sentido de humor.

A situação da Igreja não me dá vontade de rir, sinceramente... muito pelo contrário, são mais as lágrimas que surgem por causa disso do que as gargalhadas.

Mas Deus tem por vezes uma forma muito própria de falar as coisas... não tem de ser sempre de uma forma séria, pesada, formal, organizada...

É este o Deus que eu amo! É por Ele que eu estou apaixonada! Porque Ele sabe que eu gosto também muito de rir... eu preciso...

É este o teu Deus também, se te dispuseres a conhecê-Lo como Ele é na sua totalidade!

7 comentários:

Raquel disse...

Um restaurante que precisa urgentemente de uma inspecção...ou será de introspecção...e o menu das refeições quanto a mim também precisa de ser revisto :)Restaurante...panelas...Em certos "restaurantes" há panelas que são como aquela de 2 Reis, têm morte lá dentro e se não fosse pelo poder de Deus e a intervenção do Seu servo Eliseu...

Vilma disse...

É.. Deus pode alertar-nos de muitas maneiras. Essa não deixou de ser um alerta cómico. quem vai providenciar Konpesans espirituais para o pessoal? :)

Andrea disse...

E o clamor continua...

Pai Tu vais agir ainda mais, por isso é tão necesario...tão... cada vez mais intenso....

Mana querida essa comparação tem uma verdade intensa. Com riso ou com lágrimas o clamor está dentro de nós.

Paaaaaaaaaaiiiiii!
A Tua misericórdia Paaaaaaaiiiiii!

Beijos minha amada mana!

Ana disse...

E venha um prato de alegria pra mesa 5!! LOL ai... cuidado com as emoções!

É verdade Paulinha! Concordo em tudo... é pena é que essa ideia do Deus pesado e organizado seja a unica que se apresenta numa igreja! O Senhor é mais que isso... seu eu te contasse as coisas parvas que às vezes Lhe digo lololol é o amor... as pessoas qd tão apaixonadas parece que voltam atrás e tornam-se crianças... aqui não seria excepção! hihihi

Beijoka coração!

Paula disse...

Luzinha, sabes o que é que eu acho que o restaurante precisava de fazer?

Acabar com os menus. :) E se fosse preciso, ficarmos todos à espera do Espírito dirigir os passos seguintes. Não precisamos ter medo do desconhecido, mas temos. Desde quando pode haver uma "ordem de culto" num culto que é dirigido pelo Espírito Santo? Para mim um culto dirigido pelo Espírito pode ser bastante inesperado...

Vilma, kompensans... pois só o Pai... mas é preciso que os mal-dispostos admitam que estão mal-dispostos. Eu já admiti e de vez em quando vou admitindo quando o tenho de fazer... Beijocas!

Mana querida, resumiste mto bem o que quis passar: com riso ou lágrimas, o clamor existe, não está esquecido... e os que sentem o clamor no seu coração, de uma forma cada vez mais intensa, cheira-me que terão algum papel... *sorrisos* - restauradores de brechas, coluna forte com pesados portões de bronze *piscadela de olho*. Um beijinho grande de quem anda contigo aqui bem guardadinha.

Aninha, hihi acredito nessas coisas parvas, pq é mm como disseste: quem sente amor e paixão é muitas vezes levado pelo que sente, e com o Pai não há problema, pq ELE sabe o que está por detrás dessas coisas que fazemos ou dizemos... e é isso que tá por trás que ELE valoriza: o AMOR que sentimos por ELE, ainda que imperfeito.

Beijinho grande!

Lou disse...

Paula

Concordo. Deus é muito bem humorado. O Salmo 2:4 diz que Ele ri dos líderes humanos. Jesus era muito bem humorado, com uma ironia finíssima. E Deus falou com você usando a metáfora do restaurante, sem dúvida. Infelizmente, essa é a situação da Igreja, salvo raríssimas exceções.

Paula disse...

Olá Lou, gostei muito do SAlmo!

Beijos!